maio 29, 2017

Arrosto d'Agnello all'aretina - Artusi 529 [Cordeiro assado à moda de Arezzo]

Confesso para vocês que tomei um fartão de cozinha enquanto trabalhei no Armazém e que estou, pouco a pouco, me (re) apropriando das panelas.

Tenho preparado coisas muito triviais, do dia-a-dia, e nada muito inspirador. Porém, semana passada fomos fazer compras em um supermercado melhor dos que tenho aqui na cidade, e acabei comprando vários ingredientes...inspiradores. 

Geralmente não preparo muita carne em casa e olha que ando bem carnívora (meu hit do momento é o entrecôte, assado em brasa, temperado só com sal...hmmmm), mas quando vimos um belo pernil de cordeiro decidimos que ele seria o nosso almoço de domingo. E foi o Artusi que deu as diretrizes de como preparar. 

A receita é bem simples e não exige muitas peripécias e aromas. A típica receita onde menos é mais. Porém decidi que desossaria parte do pernil. Eu decidi e o José fez. Assim, ele fez um corte na parte do pernil que ficaria para baixo na assadeira, e tirou o osso maior (que eu não sei o nome) e deixou o menor. Nada complicado. Só necessário uma boa faca.

Ah, é um preparo de véspera. 



Arrosto d'agnello all'aretina

Ingredientes

01 pernil de cordeiro desossado de mais ou menos 2kg
Sal
Pimenta
Alecrim fresco
Azeite
01 taça de vinho rosè seco - Na receita Artusi indica vinagre. Achei melhor substituir.

Eu fiz uma pastinha picando bem o alecrim junto com o sal e o azeite. Dá para fazer isso na própria tábua de carne. Vai ficar tipo um pesto. Acrescente a pimenta moída na hora

No pernil desossado faça pequenos cortes na superfície e coloque o pesto de alecrim. Tempere a parte interna também para ficar bem saboroso. 

Amarre com cordão de algodão para dar a forma de pernil, coloque em um recipiente que caiba em sua geladeira e acrescente a taça de vinho. Cuba e deixe descansar por algumas horas. Eu deixei a noite toda refrigerado. Pela manhã retirei da geladeira e deixei em temperatura ambiente até levar ao forno. 

Pré-aqueça o forno a 300ºC por 15 minutos. 

Coloque o pernil em uma assadeira, regue com um pouco de azeite, cubra com papel alumínio e leve ao forno. Baixe a temperatura para 250ºC e asse por 1h. Retire o alumínio, regue com o líquido da assadeira e asse por mais 30, 40 minutos. 



Para acompanhar coloquei na assadeira junto ao pernil, batatinhas cozidas. Elas assaram com a carne e ficaram super saborosas. Este é um segundo prato super toscano, onde o alecrim é a estrela. É interessante fazer os cortes na carne e preencher com o pesto, assim ao fatiar, você vai perceber pequenos refúgios de sabor que dão um toque especial.



A estética deste prato me fez lembrar de um restaurante em Florença onde comi algo exatamente assim: carne, na ocasião era porco, ao perfume de alecrim e batatas. Nossa, me veio a cena perfeita daquele almoço onde conheci um casal de Veneza. Com eles tive uma conversa muito bacana sobre culinária e Artusi. (suspiros).... Ah, a memória que enche nosso coração de alegria...(mais suspiros).





2 comentários:

  1. Adoro carne de cordeiro, esse pernil esta com um aspecto super apetitoso.
    Boa semana

    ResponderExcluir
  2. Carlinha, que delicia isso!! Amo cordeiro!

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua visita e comentário no Cucina Artusiana.