setembro 22, 2014

Fermento Artesanal #14 - 17º, 18º e 19º dia

O pão tipo italiano executado semana passada foi um sucesso. Tinha comentado aqui que achei ele pesado, porém com o passar dos dias ele ficou melhor. Ontem, 3 dias depois de assado, este pão estava sublime. Casca macia, miolo consistente, porém leve.



Nos últimos dias a alimentação mudou um pouquinho:

17º dia - 100 gramas de farinha branco + 50 ml de água
18° dia - 50 gramas de farinha branca + 50 gramas de farinha de centeio + 50 ml de água
19º dia - 100 gramas de farinha branca + 50 ml de água

Usei o centeio para deixar o Fermento II mais divertido.

Amanhã farei um novo teste, agora um pão enriquecido. Usarei figos secos e nozes.

Ingredientes

03 figos grandes
40 gramas de nozes
100 gramas de farinha de trigo branca
45 gramas de farinha de trigo integral
20 gramas de farinha de centeio
03 gramas de sal
65 gramas de isca
130 ml de água morna




9 comentários:

  1. Carla, os pães estão ficando cada dia mais lindos e tentadores, parabéns!!
    Uma linda semana p vc!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cris, querida!

      Nem sempre...hahahaha. Dê uma olhada no último post.

      Beijo.

      Excluir
  2. Esse fermento é praticamente um tamagoshi (lembra do bichinho virtual que devia ser alimentado,para não morrer?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lili,

      Foi exatamento o que pensei e escrevi quando ainda tinha do Fermento I...rs.

      Beijos!!!
      Carla

      Excluir
  3. Carla, uma perguntinha: o fermento é guardado na geladeira ou em Tº ambiente? Sempre se alimenta com meio a meio das partes?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Juliana,

      Sim, sempre na geladeira. Em temperatura ambiente só nos primeiros dias. Depois refrigerado, o desenvolvimento dele é mais lento, mais controlado.

      Abração,
      Carla

      Excluir
  4. Carla, apesar de não ter tempo de te acompanhar na empreitada do fermento fazendo o meu, estou adorando ver o sucesso do seu. Estou na torcida! Também não entendo muito de fermentação, mas posso dizer com propriedade que pão é sinônimo de felicidade :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Camila,

      Sinceramente não é fácil manter um fermento assim. Ainda mais em dias tão corridos. Fiquei dois dias sem alimentar o meu e fiquei numa culpa danada. Tem que ter tempo e dedicação mesmo.

      Sobre o pão, concordo com você: felicidade define. Desde a escolha da receita até aquele cheirinho de pão novinho se espalhando pela casa. Amamos!

      Super abraço,
      Carla

      Excluir
  5. É para mim uma honra acessar ao seu blog e poder ver e ler o que está a escrever é um blog
    simpático e aqui aprendemos, feito com carinhos e muito interesse em divulgar as suas ideias,
    é um blog que nos convida a ficar mais um pouco e que dá gosto vir aqui mais vezes.
    Posso afirmar que gostei do que vi e li,decerto não deixarei de visitá-lo mais vezes.
    Sou António Batalha.
    PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se ainda não segue pode fazê-lo agora, mas só se gostar,
    eu vou retribuir seguindo também o seu.
    Que a Paz de Jesus esteja no seu coração e no seu lar.

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua visita e comentário no Cucina Artusiana.