outubro 13, 2010

Dicionários: uma pausa para falar deles antes de voltar a eles

Sempre gostei de dicionários. Quando era pequena e passava férias no sítio da minha avó era comum eu e ela brincarmos de... dicionário. Escolhíamos uma palavra e ficávamos inventando definições, descobrindo coisas, tentando pronunciar palavras difíceis. Hoje vejo que não foi por nada que optei em fazer Letras e mais, bacharelado.

O que é um tradutor sem um, ou melhor, sem muitos dicionários? Na-da! Ainda mais em traduções bem específicas, como as traduções técnicas e porque não, culinárias. Passei o dia hoje em função de um texto que estou traduzindo para o meu estágio. É um artigo italiano que explica como se deu o processo de formação do léxico gastronômico na Itália,ou seja, mistura tudo aquilo que gosto: história, culinária, linguística, italiano, tradução. Agora, quando “misturado tudo junto reunido” dá um trabalho! Ô textinho difícil!

Minha mesa está cheia de dicionários de italiano, de culinária, de francês, de português, fora os dicionários on line e mais um de etimologia que tive que descolar, pois a maioria dos termos que aparecem no texto são florentismos, coisas lá de 1800 guaraná de rolha, e mesmo assim tive que deixar coisas para trás. Tão chato eu não saber o que elas significam exatamente.

Minha vontade é de parar tudo, listar todos estes termos, pesquisar as definições e os correspondentes em português e só depois fazer a tradução em si. Seria tão mais tranquilo. :(

Elisa, pena que seu idioma não é o italiano!!!!



3 comentários:

  1. Ola cunhada,

    Se prescisar de um dicionario Chinese e so me avisar que mando um.

    em fevereiro vou cozinhar um prato tipico italiano e voce pode escolher que faco com muito amor.

    beijao,
    Alex

    ResponderExcluir
  2. Alex! Se tu achar um dicionário de gastronomia chinês-português é obvio que aceito...rs. Enquanto isso vou escolhendo um prato bem legal para quando vieres. Beijos e saudades de vocês.

    ResponderExcluir
  3. Também gosto de dicionários. Gosto dos dicionários em livros, grandes, com folhas fininhas quando se tem tempo. E em bites quando temos pressa.
    Pesquisar uma palavra no livro pesado e imenso, dá a sensação de sabemos pouco. São muitas palavras. Sempre temos o que procurar para aprender.
    No livro as vezes a procura de uma palavra específica, paramos em outras que nao espearávamos encontrar ou que a tempos prometemos que iríamos procurar o significado.

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua visita e comentário no Cucina Artusiana.