agosto 23, 2013

Cresentine - Artusi 227

Se o alho é um vermífugo, como geralmente dizem, este é um lanche simples e apetitoso para as crianças...

Assim começa a receita n. 227 do livro do Artusi. Eu diria até que entra na minha categoria de "não receita", pois é muito simples.

Pão com alho aqui nas minhas bandas é muito conhecido. Essa combinação, associada àlguma gordura, dá super certo. Aqui no Rio Grande do Sul o famoso pão de alho que acompanha o churrasco de domingo. Uma pasta de margarina e alho triturado rechea o cacetinho, nosso pão francês, que é colocado no espeto e levado ao fogo até dourar. É comido antes do churrasco ir à mesa, quase um aperitivo.

No Artusi uma maneira de fazer as crianças comerem alho e, claro, uma forma de aproveitar o pão.





Cresentine são fatias de pão douradas em azeite de oliva ou manteiga, condimentadas com alho, sal, vinagre  e açúcar. Aparece em alguns lugares com o nome de pane alla contadida, "muito conhecida na Romanha, onde geralmente é servida como lanche" [Olindo Guerrini], porém, sem açúcar. Muito semelhante à bruschetta toscana as cresentine dão uso ao pão dormido.

Quando li o nome desta receita pensei que fosse a crescentina, prato típico da Emília, também conhecido como gnocco fritto, uma das especialidades de Modena. O nome dos pratos na Itália tem disso, sempre podem nos enganar. O que é uma coisa em uma região, pode não ser em outra.

Para fazer as cresentine use fatias de pão douradas em azeite de oliva ou manteiga. Corte um dente de alho ao meio e passe nas fatias de pão. Tempere com pimenta e sal (usei flor de sal). Se desejar borrife o vinagre de sua preferência. 

Fácil e simples, como deve ser.









2 comentários:

  1. Aqui em casa gostamos Muuuuuiiiiito de Torradinhas com Azeite e Alho... Huuuuuuuuummmmmmmmmm!!!
    Tenha um Bom Fim de Semana :0)
    Beijos Márcia (Rio de Janeiro - Brasil)

    http://decolherpracolher.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Gosto tanto e esses deixaram-me com agua na boca.
    bj

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua visita e comentário no Cucina Artusiana.