julho 18, 2012

Gianmaria Testa, a minha voz italiana

Eu reservei as quartas-feiras aqui no blog para falar sobre livros, mas já vou começar atravessado. Vou falar de um cantor. O post do livro ficará para a semana que vem pois ontem, quando comecei a escutar o novo cd do meu "muso italiano", não consegui pensar em outra coisa a não ser trazer ele para a minha cozinha.

Vou confessar para vocês duas coisas. Primeira, eu conheço pouco de música italiana. Segunda, o que eu conheço eu acho brega e chata. Pronto, falei! Não vou citar nomes para não causar polêmica, mas assumo que muito disso tem a ver com minha ignorância musical italiana. Quando penso em música italiana tenho de fazer um esforço tremendo para não cantarolar "Volare/ôô/Cantare/ôôô/ Nel blu/ Dipinto di blu..." e por aí vai. Eu sei, a culpa é minha... 70% minha e 30% deles. Sim? Não? Ou com certeza?

Gianmaria Testa é o nome dele. O nome da voz italiana que mais gosto, que não me cansa, que não é clichê.  Posso ficar horas e horas escutando essa voz rouca e, a cada faixa, é aquela sensação gostosa que só boas músicas podem propiciar à alma. Muitas vezes, apenas por ouvir os primeiros segundos de uma música, meus olhos ficam marejados. Gianmaria me emociona e nutre mais ainda o meu amor pela língua italiana. 



Conheci em 2004 ou 2005, quando fui presenteada com um cd de músicas italianas. Foi amor "à primeira ouvida". Depois ganhei de um grande amigo todos os cds dele. Foi um caminho sem volta.

Quando estava na Itália, um dos objetivos era assistir um show dele e, claro, me declarar (Ti amo, tesoro!!!!). Mas não aconteceu. Nossos caminhos não se cruzaram embora, na minha primeira noite em Roma, ele também estivesse lá. O problema é que eu já tinha compromisso e não pude ir ao teatro onde ele estava se apresentando. (Lágrimas eternas por causa disso!)

Com qualquer italiano que eu falava sempre perguntava: "Conosci Gianmaria Testa?", e a resposta era sempre negativa. Ninguém conhecia. Fiquei meio chocada, como assim não conhecem o melhor cantor italiano????? Depois entendi que ele é como o Luiz Tatit: poucos conhecem e só eu gosto. 


É difícil para mim falar da minha música preferida, mas vou deixar algumas indicações. Espero que gostem, se emocionem e virem fãs!


Para terminar, deixo esse vídeo muito fofo. Do último trabalho dele, Vitamia.


2 comentários:

  1. Não conhecia, gostei da música, da voz, mas ainda não deu para virar fã enlouquecida e sair por ai gritando "Ti amo, tesoro!!!!" hehe ( brincadeirinha)

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Ele é muito bom mesmo, tenho vários CDs.
    Outro que gosto muito, é o Paolo Conte.
    Seu blog é muito bacana. Cheguei nele pelos pães, mas estou gostando de tudo, parabéns.

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua visita e comentário no Cucina Artusiana.