maio 16, 2011

Clafoutis de figos grelhados no mel - Porque teorizar é bom e praticar é melhor ainda

Hoje inicia o curso Comida Narrativa com Denise Amon no Studio Clio. Esse curso em melhor hora não poderia estar acontecendo, pois estou buscando referencial teórico para o meu projeto de pós. É aquele momento caótico em que você tem de pensar para onde quer ir, como e com quem à tira colo (teoricamente falando). Qualquer orientação é de extrema importância. Confesso que estou ansiosa.

E, embora já tenhamos trocados alguns e-mails (eu, angustiada como só eu sei ser, e ela atenciosamente suavizando minhas aflições), vamos nos conhecer somente daqui algumas horas. Mas, nessa nossa troca de e-mails, já rolou até presente: ganhei um receita. Uma receita linda, saborosa, aromática e delicada.



Um luxo só, Denise. Obrigada!

Clafoutis de figos grelhados no mel

Ingredientes
04 colheres (sopa) de manteiga sem sal
02 colheres (sopa) bem cheias de mel de boa qualidade
1/2 colher (chá) de canela em pó
10 a 12 figos frescos firmes, lavados, cortados ao meio no sentido do comprimento
06 ovos grandes
1/2 xícara de açúcar de baunilha
1 xícara de leite
2/3 de xícara de farinha de trigo
1 pitada de sal
Açúcar de confeiteiro

Pré-aqueça o forno a 205º C.

Unte uma forma refratária grande. Derreta a manteiga e reserve. Em uma frigideira grande aqueçao mel e a canela. Passe os figos nessa “calda” e deixe por 5 minutos, com a parte do corte para baixo, em fogo baixo. Enquanto isso bata os ovos junto com o açúcar até ficarem espumosos. Junte o leite aos poucos, a farinha e a manteiga, misturando bem.Disponha os figos no prato refratário com a parte do corte para cima. Asse por aproximandamente 30 minutos, ou até que a massa fique firme e dourada. Retire do forno, deixe esfriar um pouco e polvilhe com açúcar de confeiteiro. Sirva morno ou em temperatura ambiente.

4 comentários:

  1. Aí que eu tava de bobeira na internet e vi um post novo seu no twitter, entrei, vi, anotei e vou fazer hoje mesmo, pois compramos figos lindo na feira agora cedo e Alice adora. Se ela não comer a caixinha toda, mando a foto pra vc e te falo o que achei. bjs

    ResponderExcluir
  2. Deus me livre, Guria...que delicious!!!

    ResponderExcluir
  3. Clafoutis=comida amorosa (tradução livre para comfort food).
    Bj,
    Bergamo

    ResponderExcluir
  4. Gurias, façam! É muito bom. Muito simples e com presença..rsss.

    Marcelo, nunca vou esquecer uma vez que fez clafoutis e escreveu no teu blog: "doce da minha infância...Mentira!"....Eu dei muita risada, pq fiquei pensando: que pessoa chique que come um doce com este nome quando criança....hahahahaha.

    Beijos, beijos a todos.

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua visita e comentário no Cucina Artusiana.