abril 01, 2011

Mais artusiana do que nunca - Gnocchi di Patate - Artusi 89

O meu sumiço na semana se explica fácil, fácil: estou mergulhada na obra artusiana.

Passei a semana toda buscando bibliografia, lendo sobre a Itália Pós-Unificada e fazendo anotações sobre os aspectos linguísticos da culinária artusiana. Tenho de escrever dois artigos e estou estudando bastante.

Com tudo isso borbulhando na minha cabeça, tenho feito mais comidinhas alla Artusi aqui em casa.

Este gnocchi eu fiz dia 29 passado. Gostei bastante pela simplicidade: batatas e farinha. Para que mais?! São fáceis de fazer e, depois de cozidos, são leves, leves.

O sugo é algo a parte. Aqui não tem mistério, é o nosso velho molho de tomates. E por isso que é tão bom. Usei um pouco nos gnocchi e o restante foi comido ao longo do dia com pedaços de pão. (Magrinha, a coitada!). Sim, sim, salabim! Cada vez que passava pela cozinha tirava um naco de pão e passava na panela de molho. Eu já disse alguma vez para vocês deixarem longe de mim molho vermelho feito em casa? Essa paixão vem da infância. Coisa lá da minha avó.

Andiamo!

Gnocchi di Patate –Artusi 89

“Se os preferir mais delicado, cozinhe-os no leite e sirva-os sem escorrer; se o leite for de boa qualidade, além do sal, não é necessário nenhum outro tempero, no máximo um pouco de parmesão.”

400 gramas de batatas grandes e amarelas
150 gramas de farinha de trigo

Descasque e corte as batatas em 04 pedaços cada uma. Cozinhe no vapor e, ainda quente, amasse-as. Acrescente a farinha e trabalhe a massa com as mãos. Faça um rolinho longo e fino para poder cortar em pedacinhos de cerca de 3 centímetros. Polvilhe com farinha e cozinhe-os em água salgada por 10 minutos. Retire-os da água e adicione o seu molho favorito.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela sua visita e comentário no Cucina Artusiana.